Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Aquém Tejo

Há quem do Tejo só veja o além porque é distância. Mas quem de Além Tejo almeja um sabor, uma fragrância, estando aquém ou além verseja, do Alentejo a substância.

Há quem do Tejo só veja o além porque é distância. Mas quem de Além Tejo almeja um sabor, uma fragrância, estando aquém ou além verseja, do Alentejo a substância.

ANTOLOGIA de POESIA do CNAP (XIV)

CÍRCULO NACIONAL D´ARTE E POESIA

C.N.A.P.

 

ANTOLOGIA DE POESIA

 

Este Post é especialmente destinado às Pessoas que, escrevendo Poesia, gostam de a divulgar, enquadrando-a numa Antologia.

 

Artemísia Foto original DAPL 2016.jpg

 

Participar numa Antologia é uma forma diferente de divulgação do que se escreve. Há um sentir-se mais irmanado, mais acompanhado, com outros poetas ou poetisas, que connosco partilham esse meio de comunicarmos e darmos a conhecer o que escrevemos.

 

Malmequeres campestres Foto original DAPL 2016.jpg

 

Por mais humildes que nos sintamos, que ajuizemos os nossos versos como simples e singelos malmequeres, que num campo de flores dão colorido à Natureza, na Antologia, porque coletiva, sentimo-nos mais seguros nesse irmanar de propósitos e sentimentos.

 

Novo Amanhecer Foto original DAPL 2016.jpg

 

Há sempre um sentir esperançoso face ao Livro que nos aguarda e que nós expectamos como se um novo alvorecer se anunciasse. É sempre algo que nasce, que nos nasce, e ainda que nos ultrapasse nesse nascer, nós também nos sentimos fazendo parte, comungando, desse mesmo Nascimento. É sempre um sinal de Esperança, como o são os Livros.

Um sinal de Juventude e de Futuro!

 

Entardecer. Foto original DAPL 2016.jpg

 

Mesmo que nós estejamos mais num tempo de outro tempo, ou sejamos menos jovens, porque o Tempo não nos perdoa e não retorna, por mais que o cantemos, mesmo assim, e precisamente porque assim, ao poetarmos, nós nos transcendemos, no Tempo.

E, apesar do escurecer do findar dos dias, há sempre um vislumbre de Luz, que nos prenuncia outra Madrugada e novo Alvorecer.

E o nosso Poema, os nossos Poemas, são Árvores altaneiras que, guardando a noite e pressagiando a madrugada, prenunciam e aguardam um outro Amanhecer!

 

E, finalmente, o Livro!

Um remansoso e calmo marulhar das ondas do mar!

 

Mar Remansoso. Foto original DAPL 2016. jpg

 

Escreve Poesia?

 

Porque espera?!

Seja Jovem ou menos Jovem, mas tendo em si o condão de escrever e expressar os seus Sentires através da Poesia,

Se está interessado(a) em divulgar o que escreve, participando numa ANTOLOGIA,

 

Contacte: 

CÍRCULO NACIONAL D´ARTE E POESIA

RUA MAESTRO ANTÓNIO TABORDA, Nº 37-2º

1200-714 LISBOA

dinizsampaio@gmail.com

 

 

P.S.

Para melhor se informar sobre o C.N.A.P.,

Remeto-o/a para os seguintes links, em que escrevo sobre o Círculo, sobre a XIII Antologia, e apresento as Antologias em que já participei, entre as quais se encontram aos do C.N.A.P.

 

 http://aquem-tejo.blogs.sapo.pt/xiii-antologia-de-poesia-do-cnap-poema

http://aquem-tejo.blogs.sapo.pt/xiii-antologia-do-c-n-a-p-poema

http://aquem-tejo.blogs.sapo.pt/xiii-antologia-do-circulo-nacional

http://aquem-tejo.blogs.sapo.pt/circulo-nacional-darte-e-poesia

http://aquem-tejo.blogs.sapo.pt/antologias-de-poesia

 

 

 

 

Atreva-se / Ouse participar!

 

 

Nota Final: As Fotos são originais de D.A.P.L. (2016), e que também já tem participado em Antologias.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D