Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Aquém Tejo

Há quem do Tejo só veja o além porque é distância. Mas quem de Além Tejo almeja um sabor, uma fragrância, estando aquém ou além verseja, do Alentejo a substância.

Há quem do Tejo só veja o além porque é distância. Mas quem de Além Tejo almeja um sabor, uma fragrância, estando aquém ou além verseja, do Alentejo a substância.

Autógrafo de Amália

Este é o meu postal nº 800.

Capa Visão. Amália. Foto Original. 2020. 09. jpg

(Cortesia da Revista "Visão", a que, todavia, não pedi autorização!)

É um número significativo de missivas, que tenho lançado na net. Múltiplos e variados temas, assuntos, bitaites, desabafos; em prosa, em verso, meus, de muitas pessoas amigas, ou simplesmente conhecidas, que comigo partilharam projetos, antologias, reais ou virtuais. Montes de fotos! (...)

 

Sendo um número “redondo”, basicamente dois algarismos, o oito e o zero, duplamente. (8, que graficamente é praticamente também dois zeros.)

 

Merece ser festejado, com algo de valioso, partilhado, a partir deste espaço virtual, com todos os internautas, como é evidente. Todos temos consciência que o que publicamos eletronicamente, deixa de ser nosso. Para o Bem e para o mal!

Também se aproxima a data deste blogue festejar os anos. A 8 de Outubro fará 6 anos: 08/10/2020!

 

E o que vou partilhar?! Como se titula, é algo sobre Amália!

(Que em 6 de Outubro - 06/ 10/ 2020 - fará 21 anos que faleceu.)

 (... ?!)

Pois, precisamente o Autógrafo que a Diva do Fado me deu, na sequência da visualização do filme, "Fado – História de uma Cantadeira”, na Cinemateca, em 1986, a 13 de Março – (13/03/86).  

Sobre este assunto contei, no postal nº 768, a 27/ 07/ 2020. “O meu momento Amália! Ao vivo!

Postal que foi destacado pela Equipa do SAPO. Novamente, o meu Obrigado!

 

E assim, segue-se foto do Autógrafo, da pagela e de parte do bilhete.

 

Autógrafo Amália. Foto Original. 2020. 09. .jpg

 

Autógrafo Amália. Foto original. 2020. 09. jpg

(Obrigado a Amália, porque continua a (en)cantar-nos! Está passando na RTP1, um documentário produzido em 1995, sobre Amália. Imperdível!)

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Francisco Carita Mata 26.09.2020 11:30

    Obrigado, eu, pela sua sugestão. Todavia não estou inteiramente de acordo. Num comentário, no postal - Momento Amália, Bruxa Mimi sugere que seja - Com ternura... Amália.
    Concordo mais com esta sugestão.
    Infelizmente não me lembro se, quando assinou o autógrafo, Amália fez algum comentário. Foi há tantos anos!
    Letra bonita, a de Amália. Redonda, simultaneamente simples e complexa.
    Saudações! Muita Saúde!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D