Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Aquém Tejo

Há quem do Tejo só veja o além porque é distância. Mas quem de Além Tejo almeja um sabor, uma fragrância, estando aquém ou além verseja, do Alentejo a substância.

Há quem do Tejo só veja o além porque é distância. Mas quem de Além Tejo almeja um sabor, uma fragrância, estando aquém ou além verseja, do Alentejo a substância.

As esplendorosas "Estrelas do Meio-Dia"!

Esplendorosas! Luminosas! Iluminantes!

Tão iluminadas, pela solina de ontem à tarde, que tive que me colocar contra o sol, para lhes retirar luminosidade e atenuar a reverberação da luz!

Algures, na entrada de um centro comercial famoso, de uma Cidade não menos famosa!

20240411_171525.jpg

Vá lá a gente entender o tempo!!!

Ontem e hoje, têm estado verdadeiros dias de Verão! Primavera?! Isto parece mais Verão. Pior é que, há bem poucos dias, tinhamos dias de verdadeiro Inverno!

"O que é que paga"?! O corpo, como dizia o outro!

Acautele-se das constipações, S. F. F.

 

Sabe o que são Catacuzes?!

Sabe que planta é esta (XXV)?!

20240316_122550.jpg

Já sabemos como são os nomes comuns das plantas. Têm as mais diversas nomenclaturas, conforme as regiões.

A esta, cuja foto apresento, e que nasce espontânea nos quintais, chamam-lhe Verças. Também Alabacinhas, Alabaças, Espinafres Azedos e Catacuzes. Estes os nomes que conheço. Haverá mais, certamente!

Destas ervas, faz-se uma sopa excelente! Também fazem esparregado.

Boas sopas! Bom almoço! Bom jantar!

(O tempo continua frio, ventoso e chuvoso.)

 

Humildade, Vaidade…

Medronheiro. Foto original. 02.12.23.

Negociação… Consenso… Acordo!

Nos postais anteriores, falara de humildade, contrapondo a vaidade e como desiderato para o futuro governo, em modo minoritário. Da necessidade de negociar, procurar acordos, consensos, para encontrar soluções governativas.

Para eleger o Presidente da Assembleia da República foram necessárias quatro tentativas. E o resultado só aconteceu após negociação e acordo entre PSD e PS.

Concordo totalmente que o governo futuro seja presidido pelo PSD. Faz todo o sentido. Mas para desbloquear a governação vai ter de acordar muitas medidas com os outros partidos. Sendo de oposição todos eles, é imprescindível estruturar uma oposição construtiva, dialogante. Seja à direita, à esquerda, ao centro. Não vai ser fácil!

Não precisam sentir-se "ofendidos", "rejeitados", por nesta fase ter havido negociação entre PS e PSD. Nem se armarem em “bota-abaixo”, a tudo e mais alguma coisa, só porque não foram “escolhidos” para negociar.

Partindo do pressuposto que os deputados eleitos defendem os interesses do País, importa que a legislatura perdure os quatro anos. E que ajam de modo que tal desiderato aconteça. Não ganhamos nada com novas eleições, nós, portugueses que não estamos diretamente dependentes de partidos. Para os quais – partidos - eleições são música para os ouvidos!

Só daqui a dois anos é que haverá um deputado PS a presidir à Assembleia. Até lá muita água vai correr debaixo das pontes. E, se a legislatura lá chegar… Toda a gente vaticina que não! Não será fácil, não!

E com a febre de dissolução de parlamentos que prolifera neste "jardim à beira-mar plantado", mais nas ilhas adjacentes, eu não digo nada. Embora discorde em absoluto!

Também nestas situações é importante saber negociar. Acordar! Consensualizar!

(A propósito de pontes… Caiu uma ponte lá para Baltimore! E de tempo… Ontem foi um dia de tempestade… Nelson?!)

Uma Páscoa Feliz e Florida!

*******

(A foto?! Não é de agora. É de 02/12/23, no “Quintal de Cima”. Sabe de que Árvore, Caro/a Leitor/a?! Digo-lhe que é de uma árvore / arbusto autóctone.)

 

Flores de Cerejeira

No Caminho do Boi D'Água: Cidade de Régio - Portalegre.20240319_183508.jpg

Para assinalar o "Dia da Árvore", o "Dia da Poesia", o início da Primavera.

Ocorrências acontecidas anteontem, dia 21 de Março. Também quando iniciei esta postagem, através do telemóvel, que também ainda não consegui concluir, através desse meio tecnológico. (Hei-de conseguir!)

(Foto original de dia 19/03.)

Mas, como todos os dias são dias de celebrar a Árvore, a Poesia e a Primavera, o postal é concluído e editado, hoje, 23 de Março.

Saúde e Paz!

Pôr do sol: Serra da Penha

 Portalegre - "Cidade de Régio"20240319_183939.jpg

Esta foto tirei-a ontem, 19 de Março - "Dia do Pai".

Comecei a editar o postal, ontem, via telemóvel. Mas não consegui concluir.

Tenho de aprender a editar os postais através do celular, principalmente quando não quiser escrever muito.

Obrigado pela atenção.

Votos de Saúde e de Paz!

 

Elas aí estão: a eleição antecipada e a campanha eleitoral…

Plátano do Rossio. Original. Março.23.

... Aproximando-se da reta final.

Já o escrevi e repito. Não concordo com eleições antecipadas. Bem podiam ter sido evitadas, tanto estas, quanto as anteriores. Bastava tão simplesmente que, quem mais pode e manda nestes assuntos, tivesse agido de outro modo. Mas elas aí estão e há que votar. Esse foi um dos desideratos do “25 de Abril” e há que concretizá-lo. A Liberdade, nomeadamente a de expressão, foi uma das conquistas alcançadas. Muito boa e santa gente que por aí perora, por tudo e por nada, não imagina sequer as dificuldades em publicar, opinar. Ademais antes do advento das novas tecnologias de informação. Hoje, queixamo-nos de tudo e nada, mas vivemos num Portugal substancialmente melhor do que há cinquenta anos! Obviamente, muitos fatores, múltiplos e diversos, para isso contribuíram.

Quando olhamos para o panorama partidário, não falta por onde escolher. Mas quem não tem quaisquer interesses partidários nem pensa auferir qualquer benefício por partido X ou Y vir a governar, a decisão não é fácil. Vai-se pelo mal menor!

Olhando para os atuais dirigentes partidários, o panorama é o que é. Cada qual formule a opinião que muito bem entender, sobre a respetiva qualidade. Sem fanatismos partidários ou clubísticos, o panorama é realmente desolador. Lembrando-nos dos históricos da Democracia, nos finais de setenta - Freitas do Amaral, Sá Carneiro, Gonçalo Ribeiro Teles, Mário Soares, Álvaro Cunhal, o General Ramalho Eanes como Presidente da República e comparando com o panorama atual….

Mas… não falta por onde escolher. Quase uma vintena de candidaturas!

Mas votar num distrito em que se elegem apenas dois deputados tem os seus constrangimentos. São de menos?! São de mais?! Depende. Nomeadamente do trabalho que façam e do que pugnem pelo distrito.

Naquele em que me insiro – Portalegre – faltam obras estruturantes, que tardam há mais de trinta anos: o IP2, que está estrangulado em vários locais. Que conheça, desde logo a ligação à A23. Tanto se fala em pontes no Tejo, lá para as Lisboas… Os “cruzamentos” entre Alagoa e Flor da Rosa, o de S. Lourenço de Mamporcão; a travessia dos Fortios, a entrada em Portalegre – desnecessária; o viaduto sobre a Linha do Leste, na estação de Portalegre. E a travessia de Estremoz, em que o traçado deveria estar desviado da cidade, desde que este itinerário principal foi iniciado.

Estes alguns constrangimentos que conheço.

A Linha do Leste, devidamente estruturada, eletrificada, constituí-la como estruturante para o transporte de mercadorias de Espanha para Portugal e vice-versa. Tanto se fala em TGVs!

Obras que faltam e que estes dois deputados que têm andado pela Assembleia se têm esquecido! Deputados a menos?! Não sei! Sei que Lisboa e Porto têm demais!

Votar? Não votar?! Votar. Sim! E tanto assim que até já votámos antecipadamente!

Refletidamente!       

Pois… Caro/a Leitor/a, faça favor de votar, segundo as suas convicções. Candidatos não faltam!

Sondagens?! Muita manipulação pelo meio.

Saúde e Paz!

Black Friday – (Reedição de poema!)

Pôr do sol. Foto original. Nov.23.

("Black Friday")

 

Sexta-feira negra, sexta

Anda todo o mundo besta

Atrás de cabaz, de cesta

De compras ao desbarato.

 

Quantas vezes são gato

Por lebre, que até o rato

Do capital fez um trato

C’o diabo do consumo.

 

Gasto e mais gasto sem rumo

Tanta roupa em desarrumo

Tudo isto, em resumo

É mais comprar só por comprar!

 

Que compre, compre sem cessar

Porque o mundo vai acabar

É levar cesto abarrotar!

 

Black Friday, em cada ano

Outro import americano

É sempre mais um engano.

 

É bom lembrar que o planeta

(Bem pode dizer que é treta!)

Tem recursos limitados!

 

Se vamos gastar, gastando

Como gastar nós gastamos

É certo que nos tramamos

A consumir, consumando

Nossa geração e vindoura

Nada de bom nos agoura!

 

Hoje e amanhã tramados!!!

 

Novembro / Dezembro 2019

(Na sequência da “Black Friday” de 6ª feira 29/11/2019.)

 

 

“Momentos de Poesia”: Homenagem a Miguel Joanes.

Castelo de Vide – Sábado 21/10/23 – 15h. 30’ – Igreja de S. Tiago.

Cartaz Momentos Poesia. Out. 23.

Ontem, apresentei divulgação de “Tertúlia de Poesia do CNAP“, em Lisboa.

Hoje, voltamos ao nosso querido Alentejo! Para divulgarmos outro Evento Poético: “Momentos de Poesia”.

Este acontecimento poético, pioneiro, único na Cidade de Régio – Portalegre, no próximo sábado, desloca-se a Castelo de Vide, outra das bonitas localidades deste Alentejo do Nordeste.

Para homenagear Miguel Joanes.

Miguel Joanes é um Poeta ímpar. “Repentista”! De improviso, cria Poesia! Por várias vezes em que assisti ou participei em “Momentos de Poesia”, no final, este Poeta “Dizia a sua Poesia” sobre o acontecimento. Em verso, nos contava – rimando - sobre a ocorrência, os participantes, os organizadores, particularidades, aspetos de realce ou que lhe despertaram atenção, no decorrer da sessão poética. Algo digno de se presenciar, de ouvir, de ver o seu estro, enfatizando a Palavra, o Verbo, a narrativa poética.

Bonita e merecida homenagem!  

O cartaz, em epígrafe, especifica sobre o assunto.

E também, para homenagearmos o Poeta, inserimos um dos poemas de sua autoria, de sugestivo título: Amigos!

          « AMIGOS»

«Eu tenho muitos amigos

Amigos serão de verdade

Meus amigos do presente

Amigos de toda a gente

Nas doenças e amizades

Amigos quantas saudades

Tenho amigos, muitos amigos,

Até não sei quantos são

Amigos do coração,

Na vida que imagem linda

Tenho amigos, sempre amigos

Quantos são, não sei ainda!...

 

Amigos dos bons “MOMENTOS”

E os d’alegres divertimentos

Os d’aventuras reais

Amigos, cada vez mais

Que sonham na vida e na paz

Cada amigo é bem capaz

De lutar p’la união

Eu tenho amigos, e amigos…

Amigos do coração!!!»

                                                               Miguel Joanes

*******

Flores silvestres. Março 2021

Parabéns a todos os Organizadores, com especial realce a Drª Deolinda Milhano e Sr. José! Votos de excelente evento!

Felicitações a Miguel Joanes e que ainda tenha oportunidade de o ouvir “Dizer a sua Poesia!

(Saúde e Paz!)

***

(Imagens:

Cartaz, cedido pela organização, bem como Poema.

Flores silvestres, da Serra de Portalegre: foto de minha autoria - Março - 2021.

Poema de Miguel Joanes.)

 

Tertúlia de Poesia do CNAP - Lisboa

Círculo Nacional D’Arte e Poesia

 Lisboa - Portugal - Out / 23

Rosa acetinada. Foto original. Out 23

Volto a divulgar eventos de Poesia.

Há algum tempo que não participo em eventos de Poesia na “Grande Lisboa”. Desde a pandemia, mais precisamente.

Não podendo estar presente, convide-o a si, Caro/a Leitor/a, a participar, caso tenha possibilidade ou a divulgar entre os seus conhecimentos.

Anexo texto divulgativo, dimanado dos organizadores:

O Poeta Rolando e a Poetisa Maria Olívia.

***

“Olá, pessoal

A próxima tertúlia terá lugar no mesmo Local : Av. Alm. Reis, 74. Café Docel.

Será na 5a. Feira, dia 19, às 15.30 h.

Obrigado a todos. Bem-vindos.

Olívia e Rolando.”

Café Docel. imagem da net google

Formulo votos de que corra tudo pelo melhor, com muita saúde e Paz.

Um grande abraço,

Francisco Carita Mata

*******

(Imagem da rosa de minha autoria.

Da Pastelaria, a partir do google, julgo que da própria Pastelaria, passe a publicidade.)

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D